sábado, 1 de agosto de 2009

Expedição Serra Preta (285)


Em homenagem à tripulação do Transmar II e aos bravos pesquisadores que integraram essa expedição, fiz uma paródia da música Cotidiano, do Chico Buarque, regravada por Seu Jorge. Ficou mais ou menos assim:

Nosso cotidiano

Todo dia ele faz tudo sempre igual
e me acorda às seis horas da manhã

puxa o covo e já manda o seu sinal

e pergunta pra Nara: cadê "Fan"?


Todo dia o botinho vem me pegar

Chico diz: olha a preguiça mulher!
Aristides no bote a pilotar

e Seu Jonas tomando seu café.

Jackson mede as lagostas pr'eu anotar

e o som quem comanda é o Pezão

o Grossinho quer peixe pra gelar

e o geólogo é Chico do Dedão


O Rodrigo a ilha quer levar

pra fazer sua pós-graduação

já a Nara se viciou no chá
e a Fran do café não abre mão
.

Francisquim gosta mesmo é de cozinhar
Lucivaldo não nos deixa na mão
essa é a galera do Transmar

que Seu Jonas comanda, é o capitão!


***Esclarecimentos:

*Covo - Armadilha para se capturar lagostas.
*Fan - A maneira que um dos pescadores, Grossinho, me chama (Fran)
*Chico do Dedão - tem um problema nos dedos indicador e médio, sendo estes maiores do que o normal.
*Rodrigo - coletou o maior número de amostras de rochas que já se tem notícia no ASPSP. Ainda pensamos em acionar um dos navios da marinha para embarcar todos os exemplares, mas não foi necessário, ele se desfez de algumas, por livre e espontânea pressão.